21.08.2018 | 12h21

Voto útil pode ajudar Alckmin?

Aliados de Geraldo Alckmin acham que seu crescimento nas pesquisas poderá ser mais intenso quando os eleitores perceberem que o confronto de segundo turno poderá ser entre Jair Bolsonaro e Fernando Haddad. E que, nessa hipótese, Haddad ganharia a disputa por causa da rejeição de Bolsonaro. Assim, os antipetistas deixariam de votar em Bolsonaro para apoiar o ex-governador paulista que teria mais chances de impedir a volta do PT ao poder.

É uma tese. Mas, de qualquer jeito, os tucanos acham que ainda é cedo demais para precisar apelar para o voto útil para conseguir colocar Alckmin no segundo turno. /M.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO