02.01.2019 | 18h31

Votação de Maia pode unir PDT e PSL

A candidatura de Rodrigo Maia para a presidência da Câmara dos Deputados parece que irá conseguir o improvável: fazer com que partidos de esquerda votem junto do PSL, do presidente Jair Bolsonaro. O presidente do PDT, Carlos Lupi, disse que o apoio da sigla governista não inviabilizará que os pedetistas deem seus votos para o democrata.

“Eu, assim como a maioria dos meus companheiros do PDT, vemos como corretas as posturas de Maia. A tendência natural é um apoio a ele”, disse ao Broadcast Político. “Ele está certo em buscar o maior número de apoios possível.”


Mais conteúdo sobre:

Rodrigo MaiaPDTPSLJair Bolsonaro
VOLTAR PARA O ESTADÃO