30.09.2018 | 09h39

Vivendo perigosamente

Em segundo lugar nas pesquisas eleitorais, Fernando Haddad está vivendo perigosamente ao manter auxiliares ao seu lado com potencial de enfraquecê-lo politicamente, aponta reportagem da Folha. Francisco Macena, Gleisi Hoffmann, Sergio Gabrielli, Paulo Okamoto, Gilberto Carvalho, Ricardo Berzoini, Nunzio Briguglio foram ou são investigados por suspeitas de ilicitudes.


Mais conteúdo sobre:

Fernando Haddadeleições
VOLTAR PARA O ESTADÃO