09.01.2019 | 19h14

Vélez volta atrás em edital para os livros didáticos

O ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodriguez anunciou em seu Twitter que decidiu voltar atrás na decisão de alterar o edital para os livros didáticos que serão entregues em 2020, que havia sido feito no dia 2 de janeiro. “O ministro decidiu tornar sem efeito o 5º Aviso de Retificação do edital do PNLD 2020, publicado no dia 2 de janeiro, tendo em vista os erros que foram detectados no documento”, disse em nota. A culpa da confusão? Da gestão passada, diz o ministro.


As mudanças haviam provocado polêmica nesta quarta-feira. Entre as principais críticas estavam a exigência de que as obras tivessem referências bibliográficas e itens que  impediam publicidade e erros de revisão e a retirada a obrigatoriedade de que ilustrações retratassem “adequadamente a diversidade étnica da população brasileira, a pluralidade social e cultural do país”.

VOLTAR PARA O ESTADÃO