27.11.2018 | 08h33

Vélez: ‘Nem todo mundo quer fazer universidade’

Em evento na noite da última segunda-feira, 26, o futuro ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, sinalizou que deve propor novas mudanças para o ensino médio. Na opinião dele, a reforma foi “bem encaminhada, mas ficou incompleta”. A intençaõ de Vélez é que o aluno saia mais preparado para o mercado de trabalho. “Nem todo mundo quer fazer uma universidade. É bobagem pensar na democratização da universidade, nem todo mundo gosta”, disse, segundo a Folha.

 


VOLTAR PARA O ESTADÃO