01.02.2019 | 11h36

Vélez: ‘Brasileiro viajando rouba coisas dos hotéis’

O ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, reforçou o discurso do presidente Jair Bolsonaro de que a disciplina de educação moral e cívica deva voltar ao currículo nas escolas em entrevista à revista Veja. Para ele, é necessário porque o brasileiro precisa saber que “há uma lei interior em todos nós”.

De acordo com o professor colombiano, devido ao fato de que hoje o adolescente viaja, “é necessário lembrar que existem contextos sociais diferentes e que as leis dos outros devem ser respeitadas. O brasileiro viajando é um canibal. Rouba coisas dos hotéis, rouba o assento salva-vidas do avião; ele acha que sai de casa e pode carregar tudo. Esse é o tipo de coisa que tem de ser revertido na escola”. Ele afirma também que se tivesse que trocar o busto de Paulo Freire no MEC, trocaria por outro de Tobias Barreto (século 19), Antonio Paim (século 20) ou de Olavo de Carvalho (século 21).


VOLTAR PARA O ESTADÃO