07.09.2018 | 13h24

Uso político ‘torpe’

“Não se invente que os bolsonaristas tentaram criar um “mártir”, nem que as esquerdas tentaram eliminar à faca um candidato que cresce à custa de armas, nem que sei lá quem tenta incriminar o partido tal ou qual para demonizá-lo no eleitorado, na opinião pública”, escreve a colunista Eliane Cantanhêde, no Estadão.


Mais conteúdo sobre:

Jair Bolsonaro
VOLTAR PARA O ESTADÃO