28.04.2018 | 11h57

‘Unidos pelo medo’

A Lava Jato investiga 53 políticos no Supremo Tribunal Federal, mas no Conselho de Ética da Câmara há apenas um pedido de cassação de mandato referente à operação.

Na Veja, Edoardo Ghirotto opina que, unidos pelo medo, os políticos preferem não punir ninguém. “Conforme a Lava-­Jato foi evoluindo, virou regra a omissão dos partidos diante de quadros envolvidos em escândalos — e mesmo de parlamentares em relação a colegas do campo adversário pegos com a boca na botija.”


Notícias relacionadas

Mais conteúdo sobre:

CongressoLava Jato
VOLTAR PARA O ESTADÃO