05.02.2019 | 17h29

Um prazo para a reforma?

Rodrigo Maia , que tem pela frente a missão de aprovar no Congresso a reforma da Previdência, acredita que em 2 meses será possível passar pela Câmara a proposta do governo Bolsonaro. O novo presidente da Casa, ao lado do ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que á reforma seguirá o “tempo da maioria” e que sua tarefa pelos próximos 60 dias será conseguir os votos necessários para que a PEC seja aprovada.

“O nosso problema é garantir em dois meses que a reforma da Previdência tenha 320, 330 deputados a favor. Esse é o desafio, e que a gente começa a trabalhar hoje”, afirmou Maia. Se em maio a proposta tiver sido aprovada, Maia acredita que em dois


VOLTAR PARA O ESTADÃO