10.11.2018 | 16h09

Um cargo para Bebianno

O advogado Gustavo Bebianno, aliado de Jair Bolsonaro que exerceu a presidência do PSL durante a campanha presidencial, poderá se tornar secretário-geral da Presidência, de acordo com a coluna Radar, da revista Veja. O cargo era ocupado por Moreira Franco até abril deste ano. Bebianno chegou a ser cotado como um dos nomes para o ministério da Justiça, que foi parar nas mãos de Sergio Moro.


Notícias relacionadas

Mais conteúdo sobre:

Gustavo BebiannoJair Bolsonaro
VOLTAR PARA O ESTADÃO