02.02.2019 | 10h32

Tucano defende que Senado descumpra decisão de Toffoli

O senador tucano Plinio Valério (AM) defendeu, neste sábado, 2, que o Senado descumpra a decisão do presidente do STF, ministro Dias Toffoli, de que seja secreta a votação que vai definir o novo presidente do Senado. Toffoli também decidiu que o senador José Maranhão (MDB-PB) presida a sessão.

“Temos uma oportunidade de mostrar independência e não cumprir essa decisão monocrática do ministro Toffoli. Vejo esse episódio como uma oportunidade do Senado mostrar ao País que sabe e entende o seu tamanho”, afirmou, segundo o Broadcast Político.


VOLTAR PARA O ESTADÃO