22.10.2018 | 20h04

TSE: UNE deve retirar posts contra Bolsonaro

O ministro Sérgio Banhos, do TSE, determinou a remoção de posts no site da UNE contra o presidenciável Jair Bolsonaro. Segundo a campanha de Bolsonaro, as publicações são ilegais, já que a UNE é pessoa jurídica de direito privado, financiada com recursos públicos, o que configuraria abuso do poder econômico.

No site da entidade, de acordo com o Broadcast Político, foram veiculadas notícias (“Motivos para não votar em Bolsonaro” e “Unes, Ubes e ANPG assinam carta contra o ódio”) e um vídeo contra o candidato do PSL. Em sua decisão, Banhos afirmou que a legislação proíbe veiculação de propaganda eleitoral na internet em páginas de pessoas jurídicas, com ou sem fins lucrativos. Ele também determinou que o site da UNE retire um link que direciona para o perfil “Bolsonaro não”, no Facebook. / J.F.


VOLTAR PARA O ESTADÃO