10.10.2018 | 20h21

TSE com WhatsApp contra notícias falsas

O Conselho Consultivo sobre Internet e Eleições do TSE fez sua segunda reunião nesta quarta, 10, para discutir atuação contra disseminação de notícias falsas na campanha eleitoral, informa o Broadcast Político, especialmente aquelas que atingem a imagem da Justiça Eleitoral e a segurança do sistema.

As plataformas WhatsApp, Facebook e Google não foram convidadas para a reunião, mas deverão participar do próximo encontro previsto para o dia 22. Para conselheiros ouvidos reservadamente pelo Estado, a corte eeitoral subestimou o impacto da proliferação de notícias falsas durante a campanha. Para um deles, o TSE “está atuando a reboque dos fatos”.


Mais conteúdo sobre:

fake newsTSEnotícias falsas
VOLTAR PARA O ESTADÃO