28.04.2018 | 16h08

TRF-1 reage duramente a Moro

O desembargador federal Ney Bello, presidente da Terceira Turma do TRF-1, reagiu duramente em nota oficial emitida neste sábado à decisão do juiz Sergio Moro de ignorar liminar concedida pelo colega Leão Alves suspendendo a extradição de Raul Schmidt Felippe Jr.

Na nota, Bello diz que conflitos de jurisdição devem ser resolvidos pelo STJ, e que não é “minimamente razoável” que Moro decida por si só descumprir a decisão do TRF-1 e instar a Polícia Federal e o Ministério da Justiça a fazerem o mesmo. Diz ser “intolerável” o descumprimento de ordem judicial, e que isso vindo de um juiz instiga toda a sociedade a fazer o mesmo. / V.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO