03.09.2018 | 07h13

Tombo de Lula na votação espontânea

A grande novidade da nova rodada da pesquisa da FSB para o banco BTG, divulgada nesta segunda-feira, é um tombo na intenção de votos espontânea de Lula, de 26% para 21%, fora da margem de erro. A queda coincidiu com a decisão do TSE sobre a candidatura (a pesquisa, telefônica com 2.000 eleitores, foi colhida integralmente no sábado e no domingo).

No cenário estimulado sem o ex-presidente, Marina Silva sofreu uma forte queda em uma semana, de 15% para 11%, num sinal de que começa a perder votos que migram de Lula. Jair Bolsonaro oscila dois pontos para cima e vai a 26%, e agora é seguido de Ciro Gomes, que cresceu 3 pontos e foi a 12%, empatado tecnicamente em segundo lugar com Marina e Geraldo Alckmin, com 8% (um a menos que na semana passada). Fernando Haddad ainda não se beneficia dos votos de Lula: oscilou um ponto para cima, de 5% para 6%. / V.M.


Mais conteúdo sobre:

Lulaintenção de voto
VOLTAR PARA O ESTADÃO