10.09.2018 | 14h29

Toffoli promete descentralizar

O ministro Dias Toffoli vai assumir a presidência do STF na quinta, 13, com a promessa de uma gestão “mais participativa”, segundo afirmou à Folha, enquanto a atual ocupante do cadeira, ministra Cármen Lúcia, tem perfil mais centralizador. Vai criar, inclusive, uma agenda de almoço mensal com os ministros.


Mais conteúdo sobre:

Dias ToffoliSTFCármen Lúcia
VOLTAR PARA O ESTADÃO