11.09.2018 | 07h24

Terça agitada em Curitiba

No dia em que será palco da passagem de bastão de Lula para Fernando Haddad como candidato do PT à Presidência, a superintendência da Polícia Federal ganhou outro “hóspede” ilustre com a prisão do ex-governador tucano Beto Richa.

E a Lava Jato em Curitiba, que há meses não promovia nenhuma ação de maior visibilidade, acaba de embaralhar ainda mais as cartas da eleição, com reflexos na política do Paraná e nacional. / V.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO