15.03.2019 | 18h17

Tensão máxima de ala da PGR contra Dodge

O freio da procuradora-geral da República, Raquel Dodge, ao andamento do projeto de criação do fundo bilionário de procuradores da Lava Jato abalou sua base de apoio no órgão a ponto de dois procuradores renunciarem aos cargos, informa O Globo. Outro quadro chegou a redigir uma minuta pela destituição de Dodge do cargo que seria entregue ao presidente Jair Bolsonaro, diz a publicação.

A ala revoltosa alega que a procuradora se posicionou ao lado dos políticos ao propor uma Ação por Descumprimento de Preceitos Fundamentais no STF contra a iniciativa da força-tarefa. O mandato de Dodge vigora até setembro, cabendo reeleição.


VOLTAR PARA O ESTADÃO