30.05.2018 | 14h06

Temer tem de corrigir fala à TV pública

Que fase a de Michel Temer… Com seu governo levado à lona pela greve dos caminhoneiros, o presidente teve de correr para corrigir uma declaração sua que fez os investidores e o mercado passarem a recear uma intervenção na política de preços da Petrobrás. Só um detalhe: a entrevista foi dada à TV Brasil, a emissora pública.

Em nota, o Planalto negou que Temer tenha admitido interferir de alguma forma na política de fixação de preços dos combustíveis. A dúvida foi se o emedebista disse “não” ou “nós” “podemos reexaminá-la”, ao responder sobre a política de reajustes. A entrevista, dada ao programa Cenário Econômico, ainda não está disponível no site da TV Brasil.

 


VOLTAR PARA O ESTADÃO