14.07.2018 | 10h35

Tasso: ‘Não vamos deixar acontecer W.O. aqui’

Nesta semana, o grupo político do senador Tasso Jereissati (PSDB) anunciou o lançamento da candidatura do empresário Eduardo Girão (Pros) para concorrer a uma vaga para o Senado no Ceará. O movimento embaralha ainda mais a situação do presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB), que corre o risco de não ter vaga na chapa liderada pelo governador Camilo Santana (PT) por influência de Ciro Gomes.

Tasso defendeu o lançamento de Girão, que foi presidente do Fortaleza, dizendo que o grupo não deixaria de lançar candidato, apesar da aparente força dos adversários, que têm 24 partidos na sua coligação. “Não vamos deixar acontecer W.O. aqui”, afirmou. /M.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO