09.07.2018 | 15h33

Sob Cármen, STF julga menos

O STF reduziu a quantidade de julgamentos no plenário e também em cada uma das duas Turmas no mandato de Cármen Lúcia à frente da corte. A constatação é possível a partir de levantamento do site Jota, que discute em reportagem se foi efetiva para o Supremo a decisão de remeter às Turmas o julgamento de inquéritos e ações penais.

Em 2016, o plenário do STF julgou 3.378. Em 2017, o número despencou para 2.070. Já o número de decisões monocráticas aumenta ano a ano: foram 76.149, em 2013 e chegaram a 113.630, em 2017.


VOLTAR PARA O ESTADÃO