23.03.2018 | 10h32

Site foi decisivo na propagação de boatos sobre Marielle

O site Ceticismo Político teve papel fundamental na disseminação de acusações falsas contra a vereadora Marielle Franco (PSOL), assassinada na semana passada, aponta reportagem do jornal O Globo com base em levantamento da Universidade Federal do Espírito Santo.

A repercussão do boato foi ampliada sobremaneira quando o MBL replicou a postagem com informação falsa do site.

“A publicação do Ceticismo Político foi a que teve a maior influência no debate”, afirmou ao jornal Fábio Malini, autor do levantamento.


Mais conteúdo sobre:

Ceticismo PolíticoMBL
VOLTAR PARA O ESTADÃO