06.04.2018 | 18h06

SIP repudia agressões contra jornalistas

A Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP) repudiou os atos de agressão contra jornalistas e meios de comunicação ocorridos ontem em Brasília e em São Paulo relacionados à cobertura das notícias sobre a prisão iminente do ex-presidente Lula.

“A SIP está alerta para esses incidentes de violência e os incluirá entre os temas que serão debatidos durante sua reunião na semana que vem em Medellín, na Colômbia, e na qual se discutirá a situação da liberdade de imprensa no continente”, afirma. Houve agressões contra um fotógrafo do Estadão e profissionais do Correio Braziliense, SBT, Reuters e Band.


Mais conteúdo sobre:

SIP
VOLTAR PARA O ESTADÃO