16.03.2018 | 11h43

O assassinato de Marielle vai impulsionar a esquerda?

Será que o assassinato da vereadora do Rio de Janeiro, Marielle Franco, e a volta das manifestações de rua, poderão impulsionar a esquerda nas eleições de 2018?

Essa é a questão levantada pelo jornalista Fernando Canzian, em artigo publicado hoje na Folha de S.Paulo.

“Por enquanto, é impossível saber se novas manifestações vão ocorrer e sequer se a esquerda, ainda divida e iludida com Lula, se mobilizará em torno de um projeto comum que a viabilize eleitoralmente”, diz o jornalista.


VOLTAR PARA O ESTADÃO