10.02.2019 | 13h30

Sem mágica na Previdência

Há um tanto de “retórica desvairada” nos mitos difundidos por aqueles que se opõem à reforma da Previdência, escreve Marcos Lisboa na Folha neste domingo. Ele recomenda a leitura do livro de Paulo Tafner e Pedro Fernando Nery sobre o tema para desmontar alguns desses mitos sem amparo na realidade e adverte que não há mágicas para se pensar no futuro do sistema previdenciário. “Nossa Previdência consome 14% da renda nacional, acima do que gastam países com uma proporção três vezes maior de idosos, como o Japão. Com o envelhecimento da população, a conta para os nossos filhos será quase duas vezes maior.”


VOLTAR PARA O ESTADÃO