09.03.2019 | 18h10

Secretário atrela mais empregos à reforma

O secretário de Trabalho do Ministério da Economia, Bruno Dalcolmo, atrelou a melhora nos índices de desemprego do País com a aprovação do “centro” da reforma da Previdência em entrevista ao Estadão.  “Temos mais de 12 milhões de desempregados, e essa taxa de desemprego se mantém alta há muitos anos. O anseio de todos é que a economia se recupere, mas é preciso fazer um dever de casa para chegar lá. Estou falando da reforma da Previdência”.

Segundo ele, no entanto, a reforma deve vir acompanha de outras mudanças, “seja no sistema tributário, seja na simplificação do trabalho”. Essa “simplificação trabalhista” seria a implantação da carteira verde e amarela. Na Previdência, a modernização viria com o modelo de capitalização. “A reforma da Previdência e a modernização trabalhista são maneiras de se otimizar o sistema atual. Mas (Paulo) Guedes (ministro da Economia) não se satisfaz com isso, ele tenta mudar a realidade”, concluiu.


VOLTAR PARA O ESTADÃO