04.01.2019 | 18h59

Saúde tira do ar cartilha para trans

Um dia após a posse do presidente Jair Bolsonaro, o Ministério da Saúde retirou do ar uma cartilha com dicas para homens transexuais evitarem doenças sexualmente transmissíveis. O motivo seria “corrigir falhas” do material, incluindo a abordagem do uso do “pump” uma espécie de seringa invertida utilizada para aumentar o clítoris. Segundo o Ministério para o Estadão, o “pump” é utilizado para obtenção de prazer e não deveria estar no material. Especialistas ouvidos pela reportagem discordam e dizem que seriam importante divulgar a utilização correta do aparelho.


Mais conteúdo sobre:

Ministério da Saúdetransexuais
VOLTAR PARA O ESTADÃO