25.03.2019 | 09h57

Santos Cruz chama guru de ‘desequilibrado’

O ministro da Secretaria do Governo, general Carlos Alberto dos Santos Cruz, um dos ministros mais discretos do Planalto, rebateu as críticas que a ala militar do governo, em especial o vice-presidente, general Hamilton Mourão, tem sofrido do escritor Olavo de Carvalho. Segundo Santos Cruz, o “desequilíbrio” do filósofo e guru da ala ideológica do governo é evidente.

“Eu nunca me interessei pelas ideias desse sr. Olavo de Carvalho”, disse Santos Cruz à Folha. Nem a forma nem o conteúdo agradam a ele, afirmou. “Por suas últimas colocações na mídia, com linguajar chulo, com palavrões, inconsequente, o desequilíbrio fica evidente”, criticou o ministro.


VOLTAR PARA O ESTADÃO