14.09.2018 | 13h35

Robôs a pleno vapor

A atividade de robôs no debate político sobre os candidatos à Presidência dobrou uma semana após o atentado a Jair Bolsonaro (PSL), revela monitoramento da Diretoria de Análise de Políticas (DAPP) da FGV, informa o Estadão. No período de 5 a 11 de setembro,  do total 7,3 milhões de compartilhamentos (retuítes) sobre os presidenciáveis, 10,8% foram feitos por perfis robotizados.

Nos que apoiam o candidato do PSL, o avanço foi de 18,4%. No grupo de Ciro Gomes, de 12,1%, no de Fernando Haddad, de 11,6%, e nos de João Amoêdo e Geraldo Alckmin, o avanço foi de 6,1%.


Mais conteúdo sobre:

robôseleições
VOLTAR PARA O ESTADÃO