28.02.2019 | 07h34

Reivindicação salarial trava reforma dos militares

O não-envio concomitante do projeto que trata da aposentadoria dos militares foi um fator de desconfiança da Câmara em relação à reforma da Previdência. Reportagem do Estadão desta quinta-feira mostra qual é o impasse que atrasa a ida dessa proposta: o aumento de salários para os militares e das gratificações para quem tem especializações. A equipe econômica avalia que conceder reajuste aos militares antes do envio da Previdência deles contaminaria a negociação política da reforma geral. Já os militares temem que, se o reajuste não for concedido agora, não será depois de aprovada a reforma, e argumentam que seus salários vêm sendo achatados desde 2001.

 


VOLTAR PARA O ESTADÃO