27.04.2019 | 10h55

Reforma atinge mais servidor que ganha mais

Os servidores públicos que recebem salários acima de R$ 10 mil são os mais atingidos pelas alíquotas progressivas de contribuição previdenciária criadas pela proposta de reforma da Previdência do governo. Dados da equipe econômica enviados ao Congresso mostram que esse grupo, que recebe o equivalente a pelo menos dez salários mínimos por mês, será responsável por R$ 21,3 bilhões do aumento de R$ 27,7 bilhões na arrecadação esperada em dez anos com a mudança nas alíquotas, como mostra reportagem do Estadão.


VOLTAR PARA O ESTADÃO