08.02.2019 | 20h25

‘Receita não pode se converter em uma Gestapo’

Após ser alvo e procedimento da Receita para apurar possível lavagem de dinheiro e ocultação de patrimônio, o ministro do STF, Gilmar Mendes, voltou sua artilharia contra o órgão. Para o Blog do Fausto, Gilmar disse que a “Receita não pode ser convertida numa Gestapo ou num organismo de pistolagem de juízes e promotores”, em referência a polícia política do regime nazista de Adolf Hitler. “Agora, se eles fazem isso com ministro do STF, o que não estarão fazendo com o cidadão comum?”, completou.


Notícias relacionadas

Mais conteúdo sobre:

gilmar mendesreceita federalSTF
VOLTAR PARA O ESTADÃO