05.02.2019 | 10h51

Randolfe: ‘Reforma sim! Crueldade não!’

Na eleição para a Presidência do Senado, Randolfe Rodrigues (Rede-AP) foi um dos principais líderes do grupo que atuou para derrotar Renan Calheiros (MDB-AL) e eleger Davi Alcolumbre (DEM-AP) para o comando da Casa. Como o governo federal também fazia parte dessa aliança, houve quem pensasse que o líder da Rede poderia estar caminhando para uma espécie de aproximação com as propostas de interesse do Planalto.

Bastou, porém, que fosse revelada a minuta com a proposta da reforma da Previdência para que Randolfe voltasse a endurecer o discurso contra o Planalto, embora defenda que se reforme o sistema previdenciário. “As notícias sobre a reforma da Previdência de Jair Bolsonaro são terríveis! Trabalhador terá de contribuir no mínimo 40 anos para ter direito a 100% do benefício. Idosos de baixa renda perdem o direito a um salário mínimo integral. Reforma Sim! Crueldade não!”, afrimou o senador. /M.M.


VOLTAR PARA O ESTADÃO