22.11.2018 | 19h36

Quem será o escolhido para o MEC?

Resumo da ópera sobre o futuro ministro da Educação: o procurador Guilherme Schelb é o favorito da ala evangélica capitaneada pelo pastor Silas Malafaia. O Prof. Ricardo Vélez-Rodríguez seria o escolhido da ala olavista próxima ao presidente eleito. E Mozart Neves? O diretor do instituto Ayrton Senna, que chegou a ter seu nome cravado por algumas fontes, foi rechaçado por bolsominions, teve sua indicação desmentida e parece ter agradado apenas nomes que fazem oposição a Jair Bolsonaro.  Ainda tinha o nome de Stavros Xanthopoylos, defensor do ensino a distância, cotado durante a campanha mas que as conversas não evoluíram.


VOLTAR PARA O ESTADÃO