05.03.2019 | 14h12

Queda brutal na arrecadação de sindicatos

Depois de um ano da reforma trabalhista, os sindicatos de trabalhadores e de patrões tiveram uma queda brutal na arrecadação da contribuição sindical. Dados oficiais mostram que em 2018 a arrecadação do imposto caiu quase 90%, de R$ 3,64 bilhões em 2017 para R$ 500 milhões no ano passado.

Para sobreviver, entidades patronais e de trabalhadores são obrigadas a cortar custos com pessoal, imóveis e atividades, informou o Estadão.


VOLTAR PARA O ESTADÃO