18.03.2018 | 18h36

Putin e o sonho dos políticos: se perpetuar no poder

A confirmação de que Vladimir Putin se reelegeu para o quarto mandato como presidente da Rússia deve ter causado inveja a muito político brasileiro que enfrenta dificuldades com a Justiça.

As pesquisas de boca de urna confirmam a reeleição com 73% dos votos. Putin, o que lhe garante a permanência no poder até 2024. O sucesso eleitoral do líder russo se traduz em certo magnetismo para os políticos mundo afora. Além de contar com a admiração de Donald Trump, Putin é também “amigo” dos petistas Lula e Dilma Rousseff –ele condenou o impeachment e tinha “amizade sincera” pelo ex-presidente, conforme externou o cônsul Konstantin Kamenev.


Mais conteúdo sobre:

vladimir putinrussiaLula
VOLTAR PARA O ESTADÃO