05.09.2018 | 13h32

PT sem ‘má-fé’?

O advogado Eugênio de Aragão, que compõe a defesa de Lula no TSE, afirmou nesta quarta-feira, 5, que não existiu nenhum tipo de “má-fé” da campanha petista na veiculação da propaganda eleitoral com Lula, informou o Broadcast Político. Segundo Aragão, a insistência não é uma afronta à decisão do TSE, se trata, sim, de problemas técnicos. “Ainda tem inserções antigas (veiculadas), a logística disso é complicada”, afirmou.

Aragão garantiu que os próximos programas estão sendo feitos já em acordo com a decisão do TSE. A questão foi discutida na última terça-feira, 4, em reunião entre a defesa de Lula, ministros do TSE e com o vice-procurador-geral eleitoral. A intenção era uma espécie de acordo “para definir o que é permitido e o que não é”, disse Aragão.


VOLTAR PARA O ESTADÃO