09.08.2018 | 19h05

PT pode apoiar Alckmin no 2º turno

Na sabatina realizada pelo banco BTG Pactual na quarta-feira, 8, Fernando Haddad, candidato a vice de Lula e seu substituto caso ele seja impedido de participar da disputa, não descartou a possibilidade de o PT se unir ao PSDB.

“O PT não tem esse preconceito. O PT e o PSDB, aqui em São Paulo mesmo, tiveram episódios muito interessantes”, afirmou Haddad, segundo o UOL, ao responder se apoiaria Geraldo Alckmin caso ele dispute o segundo turno com Bolsonaro. O ex-prefeito paulistano considera, porém, que essa hipótese seria um “pesadelo”. / J.F.

 


VOLTAR PARA O ESTADÃO