30.10.2018 | 16h42

PT em banho-maria até o Carnaval

Como não há nenhuma estratégia definida até o momento, o ex-presidente Lula sugere deixar a oposição do PT ao governo de Jair Bolsonaro em banho-maria até o Carnaval (5 de março), segundo interlocutores que estiveram com o petista, informa o Estadão.

“Tem que ver os próximos passos. Certamente ele não será a pessoa que foi na campanha”, teria dito o ex-presidente, segundo relatos. Lula também avaliou que Bolsonaro tem um “pepino” nas mãos para a montagem do governo em função das divergências entre os diversos grupos que apoiaram sua candidatura e do discurso eleitoral de não indicar ministros em troca de apoio no Congresso.


Mais conteúdo sobre:

Jair BolsonaroLula
VOLTAR PARA O ESTADÃO