01.11.2018 | 18h44

PT cobra CNJ contra Moro

A grande medida do PT contra Sergio Moro após a indicação do magistrado para o cargo de ministro da Justiça não deve ser nada novo. Em nota na qual repete as críticas às decisões de Moro, o partido cobra o plenário do CNJ para pautar a representação contra Moro pela acusação de desvios de sua função e a parcialidade na sua atuação.

O advogado do ex-presidente Lula, Cristiano Zanin, também avisou em nota que irá “tomará as medidas cabíveis no plano nacional e internacional para reforçar o direito de Lula a um julgamento justo, imparcial e independente”, mas sem especificar o que isso quer dizer.

 

 

VOLTAR PARA O ESTADÃO