08.11.2018 | 19h51

PT cita Covas contra novo secretário

As declarações de Gustavo Junqueira, novo secretário de Agricultura de João Doria, classificando o MST como “terrorista”, já geraram manifestações na oposição ao tucano. A  líder do PT na Assembleia Legislativa de São Paulo, deputada Beth Sahão, emitiu uma nota utilizando as políticas junto aos sem terra de outro tucano, o ex-governador Mário Covas, como munição.

“O próprio governador Mário Covas era interlocutor direto do MST e defendeu o assentamento de famílias sem terra, nas terras públicas estaduais, como forma de alavancar a produção de alimentos. Junqueira, antes mesmo de tomar posse, demonstra uma visão criminalizante da política, cheia de preconceitos e pouca disposição para o debate de políticas públicas com os movimentos socais”, afirma a petista.


VOLTAR PARA O ESTADÃO