28.05.2018 | 14h13

Problemas com o fundo para candidatas

Especialistas alertam que, apesar de positiva, a destinação de 30% do Fundo Eleitoral para mulheres não garante necessariamente maior representação feminina nas eleições.

Reportagem do Estadão traz a opinião de duas especialistas em direito eleitoral, Karina Kufa e Marilda Silveira. Elas avaliam que mais dinheiro não significa mais visibilidade, e os partidos podem decidir destinar todo o valor para uma única candidata, por exemplo.


VOLTAR PARA O ESTADÃO