02.10.2018 | 09h08

‘Primo rico e primo pobre’

A campanha presidencial do petista Fernando Haddad já arrecadou 22 vezes mais do que a do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL). Os dois lideram as pesquisas de intenção de voto. Haddad recebeu R$ 28,7 milhões, enquanto o ex-capitão, R$ 1,3 milhão. Considerando as despesas já contratadas, Bolsonaro já gastou R$ 1,2 milhão e o petista, R$ 3,3 milhões, de acordo com a Coluna do Estadão.


VOLTAR PARA O ESTADÃO