03.02.2019 | 09h58

Previdência é condição para investidor estrangeiro

O investidor estrangeiro precisa de sinais mais claros de que a reforma da Previdência será aprovada para ficar seguro e injetar dinheiro no País, diz o presidente do Credit Suisse no País, José Olympio Pereira. Ele afirma acreditar que o presidente Jair Bolsonaro tem condições para levar o projeto adiante.

Para o executivo, parte da reticência do estrangeiro é reflexo da forma como Bolsonaro foi apresentado pela imprensa internacional. Pereira admite, porém, que a postura do presidente no Fórum Econômico Mundial em Davos, na Suíça, de não dar entrevista e falar pouco, não ajuda a desfazer a imagem negativa. “Temos de dar crédito. É uma equipe nova. Ter cabeçadas é normal”, disse em entrevista ao Estadão.


VOLTAR PARA O ESTADÃO