04.02.2019 | 09h38

Previdência até julho é possível, diz Maia

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou que é possível votar a reforma da Previdência até julho, como deseja o governo de Jair Bolsonaro. Ele defende que, para que isso ocorra, é preciso deixar em segundo plano a pauta de costumes.

“É, até julho é (possível). Assim, tem que construir (a maioria)… eu não conheço ainda o ambiente do plenário”, afirmou o presidente reeleito em entrevista à Folha. Maia afirma que a pauta de costumes, que inclui o Escola Sem Partido e é o bandeira de boa parte dos novos deputados, cria um “ambiente de guerra no plenário, que pode prejudicar reformas.


VOLTAR PARA O ESTADÃO