15.10.2018 | 10h47

Pressão petista incomoda

Não é apenas Fernando Henrique Cardoso quem reclama da pressão petista para que vote no segundo turno em Fernando Haddad contra Jair Bolsonaro. Alguns parlamentares de outros partidos de esquerda, como PDT e PSB, estão irritados com o gesto do PT porque acham que isso é feito para tentar constrangê-los com a opinião pública.

Ou seja: uma espécie de ou está conosco publicamente ou “é de direita”. Os integrantes desse grupo político dizem que vão votar em Haddad por exclusão, mas reclamam que o PT não fez nenhum gesto para se desculpar, por exemplo, por atrapalhar a campanha de Ciro Gomes este ano ou a de Marina Silva, em 2014. /M.M.


Mais conteúdo sobre:

Fernando Haddad
VOLTAR PARA O ESTADÃO