17.08.2018 | 10h41

Pressa e atropelo beneficiam Lula

“Ainda que uma velocidade diferente não alterasse o desfecho dos processos, cada passo apressado de procuradores e juízes mostra que não há sequer tentativa de disfarçar o tratamento diferenciado dispensado ao petista em múltiplas instâncias”, escreve Bruno Boghossian na Folha.

O colunista esclarece que os motivos para a pressa são justificáveis e importantes, afinal, o eleitor precisa saber quem são os candidatos. No entanto, pondera que qualquer atropelo pode dar munição ao discurso da perseguição contra Lula.


VOLTAR PARA O ESTADÃO