05.09.2018 | 08h15

Presos policiais próximos à família Bolsonaro

Dois policiais militares que participavam de agendas da campanha de Flávio Bolsonaro ao Senado no Rio foram presos juntamente com outros mais de 40 na operação Quarto Elemento, que investiga uma quadrilha especializada em extorsão. Alan e Alex Rodrigues, irmãos gêmeos, atuavam como seguranças do deputado, segundo integrantes da campanha, mas Flávio negou, em nota, que eles integrassem oficialmente a campanha.

Outra irmã da dupla, Valdenice de Oliveira Meliga, é assessora do deputado estadual e tesoureira do PSL no Rio. Flávio Bolsonaro postou em seu perfil no Instagram foto em que aparece ao lado dos PMs e do pai, o presidenciável Jair Bolsonaro. “Parabéns Alan e Alex pelo aniversário, essa família é nota mil!!!”, escreveu.


VOLTAR PARA O ESTADÃO