11.08.2019 | 18h42

Presidente da Funai promete ‘resgatar dignidade’ de indígenas

O novo presidente da Funai, o delegado da Polícia Federal Marcelo Xavier, tenta apagar a impressão de que é vinculado ao agronegócio, em entrevista a O Globo. Ex-assessor da CPI da Funai, que pediu indiciamento de antropólogos, integrantes de ONGs, indígenas e servidores públicos, Xavier também já foi afastado de operação por suspeita de colaborar com invasores de terra indígena. As prioridades de sua gestão, segundo promete, serão “resgatar a dignidade, buscar a proximidade com as comunidades e pacificação dos conflitos. Pode me cobrar isso. E vamos desmitificar: eu não sou delegado de polícia, eu sou servidor público e estou aqui para garantia de direitos. Quero implementar também a ouvidoria itinerante, onde eu não puder ir a ouvidoria estará”.


Mais conteúdo sobre:

Funai Marcelo Xavier
VOLTAR PARA O ESTADÃO