06.03.2019 | 07h34

Presidência gasta mais com cartão corporativo

Os gastos com cartões corporativos da Presidência da República nos dois primeiros meses de governo de Jair Bolsonaro aumentaram 16% em relação à média dos últimos quatro anos para o mesmo período, informa levantamento do Estadão. Os dados foram solicitados pelo jornal à Controladoria Geral da União. A maioria das descrições das despesas é sigilosa, por alegação de segurança. Em muitos casos, nem a data da despesa aparece. Foi gasto R$ 1,1 milhão em 60 dias pela Presidência. O valor só é menor que o registrado por Dilma Rousseff no primeiro bimestre de 2014.

Quando considerados os gastos com cartões do conjunto do governo, o jornal mostra que houve redução e 28% dos gastos em relação à média dos quatro anos anteriores.


VOLTAR PARA O ESTADÃO